Conheça o “Mundo BANI” e entenda o momento atual

mundo bani

Há um conceito cada vez mais difundido no sentido de ajudar profissionais e empresas a entenderem o momento pelo qual estamos passando: “Mundo BANI” . O termo corresponde ao acrônimo de quatro palavras em inglês:

  • Brittle (Frágil),
  • Anxious (Ansioso)
  • Non-linear (Não-linear)
  • Incomprehensible (Incompreensível)

Não é difícil aplicar o conceito aos fatos desencadeados pela pandemia. Todos os mercados se mostraram frágeis, inclusive o do turismo! Isso deixou todos ansiosos, inclusive bolsas de valores. O mundo se tornou “não-linear”: programar viagens de férias? Para que? Enfim, o mundo se tornou incompreensível: passamos a não ter certeza de nada.

Mais abaixo, expandiremos o conceito, mas antes vale destacar que o mundo nem sempre foi “BANI”.

Mundo VUCA

O conceito VUCA veio com toda força com o início da pandemia. Já era utilizado há muito tempo por empresas para navegarem em um cenário onde quase tudo é incerteza. Também é um acrônimo, da palavras:

  • Volatility (volatilidade)
  • Uncertainty (incerteza)
  • Complexity (complexidade)
  • Ambiguity (ambiguidade).

O conceito VUCA surgiu durante a Guerra Fria, para designar as mudanças que a sociedade estava enfrentando naquela época. Mais recentemente, a ideia foi reintroduzida para ajudar na moldagem de estratégias corporativas.

Porém, a pandemia mostrou que a estratégia VUCA foi insuficiente perante as situações que nos foram apresentadas, nas quais poucas empresas estavam realmente aptas a lidar com o que aconteceu. Surgiu assim o “Mundo BANI”.

Mundo BANI

O conceito BANI foi introduzido pelo antropólogo norte-americano Jamais Cascio, que observou que VUCA estava obsoleto e que não iria funcionar em um mundo tomado pela pandemia. BANI é uma estrutura que busca articular as situações que são comuns no nosso momento, nas quais a volatilidade é pouco para entender o momento atual.

A situação não é instável, é caótica. Os resultados são completamente imprevisíveis. Podemos também relacionar com frameworks, que são situações onde o que acontece é incompreensível. Entenda o que significa cada uma destas palavrass:

  • Brittle (Frágil): O mundo nos mostrou algo tão óbvio, mas que parecíamos não querer enxergar: estamos expostos a catástrofes em qualquer momento, onde empresas e Governo podem desmoronar da noite para o dia. É preciso aprender a trabalhar com o perigo perto da gente, convivendo conosco.
  • Anxious (Ansioso): O medo é constante, deixando a pessoa ansiosa e sem saber o que fazer em muitas ocasiões. Como o mundo está ansioso, isso também reflete diretamente no mercado de trabalho, onde pensamos cada vez mais na morte, mesmo que a gente não queira. É evidente que isso acaba pautando outras decisões das pessoas, internas e externas.
  • Non-linear (Não-linear): Estamos vivendo em um mundo cujos eventos parecem estar desconectados, graças ao isolamento social que não é visto de forma tão negativa para alguns na sociedade.

Se não tivermos uma estrutura bem organizada, com um padrão definido, não é possível defini-la. Planejamento detalhados podem não fazer sentido no mundo BANI, pois influencias maiores acabam estragando planos futuros, como viagens que foram adiadas ou prejudicadas.

  • Incomprehensible (Incompreensível): A incompreensibilidade é o estado final de sobrecarga nas informações. Não temos mais certeza sobre nada. Assim o excesso de controle acaba se tornando uma grande mentira.

Efeitos colaterais

A ansiedade que foi trazida com o Mundo BANI pode ser um estímulo a partir para uma ação e também para a queda de modelos que ficaram ultrapassados. O conceito causa desestruturação, abrindo a oportunidade para que novas estruturas passem a ser modelo no mundo em que estamos.

As empresas terão de olhar mais para os seus consumidores e funcionários. Estamos vendo, com o surgimento de novos profissionais, a proposta de garantir mais saúde – inclusive entre aqueles que nada tem a ver com a área da saúde. Somos pessoas acima de tudo, precisando resgatar a essência, entender valores e propósitos, além de como se relacionar no mercado de trabalho.

Receita

Se desejamos lidar com a fragilidade, precisamos de mais capacitação e resiliência. Se desejamos lidar com a ansiedade, precisamos de empatia e cuidados com a saúde mental. Em um mundo não linear, nós precisamos prestar atenção ao contexto e se adaptar de alguma forma. E por fim em mundo incompreensível, precisamos de mais transparência e usar da nossa intuição.

Leia mais artigos de empreendedorismo no turismo.